Às vezes o conteúdo que você procura não está na primeira página. Seja um paleontólogo no Ikessauro e procure aqui o conteúdo que deseja!



quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Pesquisadores fazem modelo virtual em 3D de aranha extinta

Eophrynus prestivicii
© Natural History Museum e Imperial College London

Os animais recriados viveram entre 359 a 299 milhões de anos, época anterior aos dinossauros e mediam cerca de 3 centímetros, sendo um tipo de ancestral das aranhas, são chamados Cryptomartus hindi e Eophrynus prestvicii respectivamente. Leia mais sobre esta pesquisa expandindo a postagem.

Os cientistas, liderados por Russell Garwood do Departamento de Ciências da Terra e Engenharia do Imperial College London, fizeram no computador modelos com grandes detalhes, que recriam as duas espécies de artrópodes, a partir de fósseis analisados por tomografia computadorizada. Tais exames resultaram em 3 mil raios-X de cada fóssil, o que serviu de base para montar o modelo 3D de cada bicho, usando um programa de computador especialmente criado para este fim.
Os modelos permitiram perceber características físicas que ajudavam os animais a caçar e evitar predadores, como no caso da Cryptomartus hindi, que tinha o primeiro para de patas virado para frente, sugerindo que usava as mesmas para prender as vítimas.
Os cientistas acreditam que atacava por emboscadas, escondida, aguardava um inseto desavisado atravessar o caminho e atacava, segurando-o com as patas e levando a presa à boca, que tinha pequenas garras, talvez para facilitar na hora de manipular a comida.
Algumas aranhas modernas tem estas características, o que ajuda a tese de que estes animais são antepassados das aranhas atuais.
Já a Eophrynus prestivicii, tinha pernas bem longas, o que indica que era uma caçadora ativa, corria atrás da presa e para defesa possuía as costas cheias de espinhos, que evitavam ataques por parte de anfíbios da época.
Os responsáveis por esta reconstrução acham que este método seria o ideal para recriar outros animais, até mesmo espécies já estudadas. Todo este estudo foi publicado no Biology Letters, um periódico científico.

Fonte

3 comentários :

deck disse...

aranha?,sem ofença isso pareçe mais um carrapato,ou um acaro que uma aranha,xD

Ikessauro disse...

Concordo, parece bem um carrapato, tanto que ao ver a imagem eu lembrei de um... mas não sou eu que vou dizer que é carrapato né, se os que fizeram o estudo falaram que é um antepassado das aranhas, eu só repasso a mensagem ehehhe...
ACho que seria uma ancestral dos aracnídeos em geral...

neto disse...

eu tambem pençei num acaro quando vi a imagem, mais se voce diz que é antepassado de aracnideos em geral, esta esplicado a semelhança.